Resultado online:

Entrar

Notícias


14. nov. 2018

14 de novembro | Dia mundial do Diabetes

O Dia Mundial do Diabetes resgata as preocupações sobre a crescente ameaça que a doença representa à saúde. A data, criada pela Federação Internacional de Diabetes (IDF) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS), tornou-se oficial em 2006, com a aprovação da Resolução 61/225 das Nações Unidas.

A campanha do Dia Mundial do Diabetes deste ano tem como tema a “Família e o Diabetes”, cujo objetivo é promover o papel da família na gestão, cuidado, prevenção e educação do diabetes, bem como aumentar a conscientização sobre o impacto que a doença tem sobre a família e a rede de apoio das pessoas afetadas.

Mas afinal, o que é o Diabetes Mellitus (DM)?

É uma doença causada pelo aumento dos níveis de açúcar (glicemia) no sangue, devido à ausência total ou parcial da insulina ou incapacidade de absorção dessa substância.

Segundo a IDF, mais de 13 milhões de pessoas convivem com a doença no Brasil. Em todo o mundo, aproximadamente 4,5 milhões morrem anualmente.

O DM é classificado em:

– DM do tipo 1: em torno de 1 a 10% dos casos. Decorrente da destruição das células beta pancreáticas produtoras de insulina. Geralmente, tem início em pacientes mais jovens, que necessitam de reposição do hormônio.

– DM do tipo 2: a grande maioria (mais de 90%) dos casos. Geralmente, tem início após 30-40 anos de idade, mostra grande associação com a obesidade e com a hereditariedade (genética).

– DM Gestacional: é o Diabetes diagnosticado durante a gravidez.

– Outros tipos de DM: Condições mais raras que incluem doenças do pâncreas, outras doenças endócrinas e genéticas.

Diagnóstico

Para que um paciente seja diagnosticado com Diabetes, o nível de glicemia no sangue deve ser maior que 6,5%, enquanto o nível normal (para não diabéticos) varia de 4% a 6%.  O diagnóstico é confirmado por exames laboratoriais, em especial a dosagem da glicose no sangue, como por exemplo o teste de hemoglobina glicada.

Hemoglobina Glicada (A1C)

É considerado um dos testes mais eficazes para avaliação do controle glicêmico em pacientes diabéticos, capaz de medir as concentrações de glicose no sangue dos últimos 2 ou 3 meses.

De acordo com os resultados da glicemia, o paciente pode ser incluído em uma das condições abaixo:

 

Interferentes analíticos podem alterar o resultado do teste?

Algumas condições clínicas e certos interferentes analíticos devem ser considerados quando o resultado da A1C não se correlacionar adequadamente com o estado clínico do paciente.  As condições clínicas que interferem na meia vida das hemácias diminuem o poder diagnóstico da A1C em refletir os níveis pregressos de glicose.

Por essa razão, é importante que o médico leve em consideração a detecção das hemoglobinas variantes, já que elas podem interferir diretamente no resultado do exame.

 

Detecção de hemoglobinas variantes |Cromatografia por troca iônica.

Sabendo que estas variantes da hemoglobina podem interferir nos resultados da A1c, é aconselhável que sejam utilizados métodos capazes de detectar tais anormalidades, inclusive para alertar ao médico, pois em muitos casos a conduta terapêutica pode mudar.

A técnica de Cromatografia Líquida de Alta Performance (HPLC) por Troca Iônica, utilizada em 100% da rotina do DB para esse teste, é considerada uma referência para detecção das principais hemoglobinas variantes, proporcionando resultados rápidos sem que estas interfiram no resultado da A1c.


Referências

1 – Posicionamento Oficial SBD, SBPC-ML, SBEM e FENAD 2017/2018.  Atualização sobre hemoglobina glicada (A1c) para avaliação do controle glicêmico e para o diagnóstico do diabetes: aspectos clínicos e laboratoriais.
2 – NAOUM, 1982b; VIANA-BARACIOLI el al., 2001.
3- SBD. Sessão Solene na Câmara dos Deputados marca início da campanha Novembro Diabetes Azul. Disponível em: <https://www.diabetes.org.br/publico/component/content/article/211-palavra-da-presidente/1738-sessao-solene-na-camara-dos-deputados-marca-inicio-da-campanha-novembro-diabetes-azul?Itemid=445> Acesso em: 13 nov. 2018.
4- IDF. Dia Mundial do Diabetes 2018-19. Disponível em: < https://www.worlddiabetesday.org/about-wdd/wdd-2018-19.html> Acesso em: 13 nov. 2018.

Cadastre-se e receba as novidades do nosso informativo no seu e-mail: