Resultado online:

Entrar

Notícias


12. abr. 2018

DB Toxicológico | Mais um projeto de expansão do Diagnósticos do Brasil

Há mais de seis anos no mercado, o Diagnósticos do Brasil se destaca como um dos principais laboratórios do país, tendo sempre a exclusividade em apoio como um dos principais diferenciais. Considerado a extensão da área técnica do cliente, o DB conta com duas unidades exclusivas de apoio: uma na cidade de São José dos Pinhais/PR e outra na cidade de Sorocaba/SP. E já está em execução a implantação da terceira unidade, localizada em Recife/PE. Além disso, dispõe de dois centros técnicos especializados: o DB Molecular e o DB Patologia. Neste ano, mais uma vez, expandiu suas atividades com a criação de outra unidade de negócios, o DB Toxicológico.

A implantação desse novo centro de especialidades visa atender a demanda do mercado na área de toxicologia ocupacional e do teste de larga janela de detecção, também conhecido como exame toxicológico do cabelo, que é exigido em alguns concursos públicos e obrigatório nas renovações de CNH para as categorias específicas C, D e E. A complexidade que os exames dessa área exigem e a grande demanda do mercado foram os fatores que contribuíram para o nascimento da nova marca.

Para um suporte eficiente, o DB Toxicológico oferece aos seus clientes uma estrutura técnica ampla e moderna, com equipe especializada e alto nível tecnológico em equipamentos. O apoio ao cliente abrange assessoria científica, SAC exclusivo, apoio em materiais de marketing, consultoria comercial, treinamentos internos e logística integrada, tudo pensado para atender o laboratório credenciado de maneira fácil e ágil.

EXAME TOXICOLÓGICO DO CABELO E SUA COMERCIALIZAÇÃO

 

 

Adaptar-se às mudanças e aperfeiçoar todos os processos que a lei exige, com foco no suporte ao cliente, é um desafio e tanto, uma vez que a exclusividade em apoio está no DNA do Diagnósticos do Brasil. Para a diretoria do DB, o bom relacionamento com os seus clientes é item primordial e, apesar do modelo de comercialização do teste de larga janela de detecção ser predefinido pela Resolução 691/2017 que integra a Lei 13.103, não foram medidos esforços para manter a proximidade com os laboratórios apoiados. Tobias Thabet, diretor comercial, afirma que o maior objetivo do DB é continuar crescendo junto com o cliente e fortalecer ainda mais essa parceria. “Somos conhecidos por ser um laboratório exclusivo de apoio e vamos continuar trabalhando dessa maneira, ou seja, o foco continua sendo o apoio e os laboratórios que nós atendemos, mas por uma obrigatoriedade legal, exclusivamente para o exame toxicológico do cabelo, o DB comercializa para o público final”.

 

A procura para a realização desse tipo de exame deve aumentar significativamente, de acordo com Jean Haratsaris, gerente comercial da unidade: “Os laboratórios credenciados ao DB Toxicológico só têm a ganhar com essa mudança na legislação. Hoje, o Brasil conta com aproximadamente 12 milhões de motoristas nas categorias C, D e E. Considerando que a renovação é a cada cinco anos, a demanda de mercado anual gira em torno de 3,5 milhões de clientes”. Além da obrigatoriedade nas renovações é exigido no processo de admissão e demissão de motoristas profissionais, ficando sob responsabilidade do empregador prestar informações ao Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) sobre o resultado do exame. Para contribuir com o crescimento dos laboratórios, foi desenvolvido um material de divulgação baseado no perfil do público-alvo, visando sempre incentivar o cliente parceiro para que ele se destaque na cidade onde atua e consiga prospectar um número maior de clientes para que realizem a coleta no seu laboratório.

O gerente operacional do DB, Fabiano Mateus, que é mestre e doutor em Toxicologia e Análises Toxicológicas, explica que a demanda pelo exame toxicológico d o cabelo vai aumentar em função dos resultados positivos no que diz respeito à segurança pública. “Depois que a lei entrou em vigor, houve uma redução significativa de
acidentes, atribuída ao consumo de drogas e condução de veículos”.

TOXICOLOGIA OCUPACIONAL + SAÚDE PARA O TRABALHADOR

Dentro do setor de toxicologia, o DB atende também um menu de testes em biologia ortomolecular, principalmente
no que diz respeito a análises de metais, além de outras especialidades da área de toxicologia ocupacional, que trata das substâncias e agentes químicos ou xenobióticos presentes no ambiente de trabalho e que podem oferecer
ameaças à saúde do trabalhador. O monitoramento dos níveis das principais substâncias presentes na indústria
brasileira é estabelecido pela Norma Regulamentadora nº 7 (NR-7/PCMSO), que visa prevenir e minimizar riscos de intoxicação no ambiente de trabalho. O DB dispõe dos melhores equipamentos existentes no mercado de medicina
diagnóstica, estabelecendo um parâmetro acima da média em relação à concorrência, colocando-o entre os maiores laboratórios do Brasil e do mundo. O amplo menu de exames oferecidos na área ocupacional obedece
à padronização internacional e está de acordo com a NR-7.

 

Cadastre-se e receba as novidades do nosso informativo no seu e-mail: